Popular hostiliza e atrapalha socorristas do Samu e Bombeiros durante socorro de vitima de acidente no centro de Jacarezinho

0

Por volta das 16:30 desta segunda 11, as equipes do Samu e dos Bombeiros atendiam a um acidente de transito com duas vitimas em uma queda de moto na AV. Getúlio Vargas na esquina com a santa casa, e foram hostilizados por um popular que passava pelo local.

O acidente: uma motocicleta seguia pela avenida quando o condutor perdeu o controle e os dois sofreram uma queda, o motociclista sofreu escoriações pelo corpo, a passageira uma senhora de mais de 70 anos sofreu fratura e escoriações generalizadas pelo corpo, imediatamente foram acionadas as equipes do Samu e Bombeiros para o socorro.

ERRATA: na verdade segundo testemunhas o motociclista não teria perdido o controle da moto sozinho, uma caminhonete Hilux teria colidido com  a moto em que estavam o casal, causando o acidente, a condutora da caminhonete parou e prestou os socorros possíveis até a chegada das equipes de socorro.

As circunstancias: no momento do acidente, as equipes dos Bombeiros estavam empenhadas em um incêndio, as equipes do Samu em uma ocorrência complicada de um surto psicótico no Aeroporto, onde houve complicações e foi preciso o apoio da equipe da Policia Militar.

O socorro: enquanto as equipes do Samu chegavam na santa casa com a paciente do surto, se depararam com o acidente, imediatamente uma equipe já parou e deu inicio aos atendimentos juntamente com os Bombeiros que também chegaram juntos, imediatamente imobilizaram a senhora que era a vitima mais grave e também socorreram o condutor da moto.

A hostilidade e obstrução: No momento em que as equipes realizavam os atendimentos, um popular começou a ofender os socorristas e atrapalhar o socorro das vitimas desferindo palavras ofensivas e de baixo calão contra os profissionais, chegando a atrapalhar o socorro, o homem foi advertido várias vezes para que se afastasse do local mas insistia em ofender os socorristas a todo momento o que dificultou ainda mais o trabalho das equipes.

Constantemente as equipes do Samu e Bombeiros atendem a ocorrências que na verdade não são necessárias, e em muitas destas alguns populares usam o serviço de forma errada na intenção de serem levados ao pronto socorro e serem atendidos com prioridade passando na frente dos que já aguardam o atendimento no local.

Esta prática alem de ser crime passível de punição e multa, é mero engano, pois durante o trasporte os profissionais verificam os sinais vitais do paciente, de forma que ao chegarem no pronto socorro, não serão colocados para dentro e sim ficam aguardando na recepção como todos os outros aguardando sua vez.

No caso da ocorrência citada no inicio da matéria a possível demora no atendimento como acusou a pessoa que ofendeu os profissionais, todas as equipes estavam empenhadas em outros atendimentos como foi citado, e os chamados sem necessidades ou inadequados e ainda trotes atrapalham ainda mais os atendimento de urgências.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here